terça-feira, 16 de outubro de 2012

Macarons - a receita com passo-a-passo


Vocês conhecem macarons? Aqueles docinhos lindos e deliciosos que estão na moda há alguns anos aqui na França (quando morei aqui em 2003-2005, não se via tanto macaron e livro de macaron e curso de macaron em todo lugar, como é o caso agora) e se espalhando pelo mundo. Fiquei sabendo que a Ladurée abriu uma loja em São Paulo e que os bichinhos são vendidos a R$10 a unidade (aqui na França os da mesma “marca” custam um pouco menos de 2€).


Então, aí que no final do ano passado eu resolvi que ia aprender a fazer macarons. Mas como macaron não é algo simples de fazer, tem que conhecer as técnicas, os macetes, etc, etc, decidi fazer um curso, em uma das tantas escolas de cozinha com aulas rápidas, para amadores, que também florescem aqui em Paris. O curso durou duas horas, o suficiente para aprender os principais passos e truques, e depois o negócio é tentar, tentar, tentar. Na minha quarta tentativa os macarons ficaram bem razoáveis, e eu fui fotografando o passo-a-passo para colocar aqui no blog. Isto foi ano passado, e eu fui enrolando, enrolando, enrolando e não publiquei nada. Mas agora aticei a vontade das minhas amigas aí no Brasil, e principalmente da Ligia, que é doceira de mão cheia desde os tempos do pavê de sonho de valsa (um clássico do nosso colegial). Então aqui vai a receita e o passo-a-passo para a Ligia e para quem mais resolver se aventurar!

Ingredientes (para mais ou menos 30 macarons):
130g de clara de ovo (mais ou menos 4 ovos)
90g de açúcar refinado
150g farinha de amêndoas (amêndoas trituradas - em pó)
210g de açúcar de confeiteiro
1 pitada de corante em pó (opcional)

Dica n° 1: Providencie uma balança. Eletrônica, de preferência. Como vocês podem ver, francês não brinca com as quantidades nas receitas de pâtisserie (doces).

Dica n° 2: Separe a clara e a gema dos ovos alguns dias (pelo menos dois, e até uma semana) antes de fazer os macarons, guarde as claras em um tupperware fechado na geladeira.  Este tempo de repouso faz com que a albumina do ovo perca a elasticidade,  o que facilita para batê-las em neve e evita que a massa empelote. Tirar as claras da geladeira uma hora antes da utilização. (Risco de salmonela? Não, porque o problema é a gema, e além do mais tudo vai ao forno no final) (Bom, pelo menos aqui na França isto funciona...)

Dica n° 3: Utilize sempre corante em pó, o corante líquido dá umidade à massa, o que não é bom para conseguir que a casquinha fique crocante.

Modo de Preparo

1) Misture a farinha de amêndoas e o açúcar de confeiteiro, com um liquidificador ou mixer. O objetivo é obter um pó bem fino. Passe a mistura em uma peneira. Reserve.



2) Em um outro recipiente, coloque as claras de ovo e o açúcar refinado, bata as claras em neve. Enquando estiver batendo, se desejar acrescente uma pitada de corante em pó (se não os macarons vão ficar cor creme). Três maneiras para saber que a mistura está no ponto:

 a) um bico se forma no batedor


b) a espátula fica de pé no meio da massa


c) você vira o recipiente de ponta-cabeça e tudo fica no lugar! :-)


3) Acrescente metade da mistura farinha de amêndoas + açúcar de confeiteiro. Agora vem um dos pontos-chave: misturar de maneira bem delicada. A técnica que me ensinaram é a seguinte: com uma espátula, saia do centro da massa, em direção ao exterior do recipiente, apoiando a espátula no fundo e levantando a massa ao mesmo tempo. Com a mão esquerda, ao mesmo tempo, vá girando a tigela, um quarto de volta (90° para os engenheiros) por vez. Tá difícil de entender? Apelemos aos amigos da internet:


Vá misturando, quando a primeira metade da mistura em pó já estiver misturada, acrescente a segunda metade e continue.


Mas o ponto-chave mesmo é saber a hora de parar de misturar. O chef da minha aula ensinou o seguinte: pegue uma grande quantidade de massa com a espátula e levante. A primeira “leva” tem que cair de maneira fluida. Se demorar muito para cair, a massa ainda não está fluida o suficiente. Se você parar de misturar neste momento, os seus macarons vão ficar muito estufadinhos e com textura de suspiro. Já se a massa estiver líquida demais, já era, o ponto passou e seus macarons vão ficar parecendo biscoitos.  A massa tem que estar uniforme e fluida, mas nem tanto, e assim os seus macarons vão  ficar estufadinhos mas nem tanto, e com textura entre o suspiro e o biscoito. Complicadinho, né? Nem tanto! :-) Se errar da primeira vez, não desanime! Os meus primeiros macarons ficaram meio biscoito. A segunda tentativa ficou um pouco suspiro demais. Mas mesmo não estando na textura correta, eles são facilmente comestíveis, minhas cobaias (marido, cunhada, cunhado, colegas de trabalho) não reclamaram, muito pelo contrário...

Este momento da receita do macaron é tão importante que os franceses até inventaram um nome para o processo: macaronnage.

4) Quando a massa estiver no ponto, coloque metade em um saco de confeiteiro, com um bico liso. Cubra uma forma plana com papel manteiga. Esprema o saco formando no papel manteiga bolinhas de mais ou menos 2cm de diâmetro – os seus macarons.



Dica n° 4 : utilize um pouquinho de massa como “cola” entre o papel manteiga e a forma, nas pontas, para ele não se deslocar.

Dica n° 5: eu tenho um “tapete” de silicone com as bolinhas já desenhadas. Dupla utilidade: o silicone não gruda, e as bolinhas ajudam muito para fazer macarons do mesmo tamanho. Como acho que este tipo de material não deve existir no Brasil, você pode desenhar os círculos a lápis em uma folha de papel, colocar a folha sob o papel manteiga na hora de fazer as bolinhas, e retirá-la antes de levar ao forno.

Dica n° 6: o ideal é fazer os macarons não de forma totalmente alinhada (vejam o tapete de silicone), para o calor do forno circular melhor.

5) Deixe os macarons repousarem fora do forno, de 15 a 30 minutos. Para saber quando levá-los ao forno, encoste levemente o  dedo na superfície de um macaron – a massa não pode colar no dedo.


6) Leve os macarons em forno pré-aquecido, entre 130°C e 150°C. A temperatura pode variar segundo os fornos, então, mais um ponto que tem que ser testado. O tempo de forno também varia, a “regra” é 12 minutos, abrindo o forno no meio para deixar sair a umidade. Se você estiver assando várias formas, mude as posições no forno a cada 3 minutos. O macaron está assado quando a parte de cima estiver durinha e brilhante, e a parte debaixo com aquele “colarzinho” típico.


Dica n°7: se o seu macaron não está com cara de macaron...
 - macaron muito estufado: “macarronage” insuficiente, da próxima vez misture mais a massa
 - macaron achatado, sem o colarzinho: “macarronage” demais, da próxima vez misture menos a massa
 - macaron com pelotinhas: mistura açúcar de confeiteiro + farinha de amêndoa muito grossa ou úmida
 - macaron com fissuras: repouso insuficiente antes de ir ao forno ou temperatura do forno muito alta
 - macaron “explodiu”: mistura não uniforme ou temperatura do forno muito alta
 - macaron muito seco: muito tempo de forno ou temperatura muito alta
 - macaron muito molenga: pouco tempo de forno ou temperatura muito baixa

7) Tire do forno e deixe esfriar. Descole os macarons do papel manteiga. Separe os “pares” de macarons segundo o tamanho (isto se você é descoordenado como eu e não conseguiu fazer macarons perfeitamente iguais hehehe). Pegue um macaron, coloque o recheio (com um saco de confeiteiro ou com uma colherzinha mesmo), una o segundo macaron. Coloque em uma bandeja e deixe repousar pelo menos 24 horas na geladeira.


Dica n° 8: os macarons são melhores no dia seguinte. O tempo de repouso na geladeira permite que o recheio impregne a casquinha, e dê o gosto e a textura ao macaron.

Idéias de recheio:
- Ganache de chocolate
- Ganache de chocolate branco + cachaça + raspas de limão (para o “macaron caipirinha”, que, acreditem, eu aprendi na aula!)
- Geléias de frutas -  suco + gelatina sem sabor – a textura tem que ser mais dura que uma geléia (para não escorrer) mas menos dura que uma gelatina
- Ganache de chocolate branco + frutas (o chocolate branco é uma boa “base” para recheios de frutas)
- Creme de bauniha

Os macarons da foto são o caipirinha (verde) e com geleia de framboesa (rosa).


92 comentários:

Paulinha disse...

Q delícia! Eu queria conhecer alguém q fizesse pra mim... ou então, te juro q prefiro pagar 10 reais! ahahahhaha...
bjs

Taciana disse...

Bom, fér, não vou nem ler, afinal nunca vou me aventurar a fazer algo tão complicado! (e eu nem gosto, hehehe)

Mas vc é uma mestre-cuca mesmo!

bjs,

taci

Anônimo disse...

Fér, que difííííííííííícil!!! São mil passos e possibilidades de dar errado hahahahahahaha.

Mas vou tentar, vamos ver quantas vezes vou levar pra conseguir acertar. Te aviso assim que eu tiver qualquer sucesso.

Adorei a fotinho com a tigela de ponta cabeça :P rsrsrs

Bjos
Ligia

A Confeiteira disse...

Fernanda,
Tenho esses tapetes, mas a minha receita que é um pouco diferente nas proporções da sua não descolam do tapete, isso não acontece na sua receita?? Beijos Luciana

Anônimo disse...

Quero mto tentar e rechear com ganache...a receita e complicadissima mais mora em cidade pequena e morro de vontade de provar e aki nao encontro.

Fernanda disse...

Luciana,
Existem mesmo varias receitas, e acho que não é isto que faz a diferença de descolar do tapete não...Ja tentou deixar uns minutinhos a mais de forno?

Anônimo,
A receita é complicada mesmo, e dificilmente vai dar certo na primeira vez, mas é preciso persistência, pq vale a pena no final :-)

Bianca Huang disse...

Posso congelar?

Bianca Huang disse...

Quantos dias duram? Tem que deixar dentro ou fora da geladeira?

Bianca Huang disse...

Quero fazer hoje para servir só dia 22/02, posso?

Fernanda disse...

Olá Bianca!
Os macarons devem ser conservados na geladeira, e o ideal é retira-los meia hora antes de servir.
O tempo de conservação varia de acordo com o recheio: os com creme de leite ou ovos devem ser consumidos em 3-4 dias, os com geléia de frutas duram até uma semana.
Você pode congelar os biscoitos sem problemas por vários meses. Aí quando quiser fazer, descongelar na geladeira um dia antes e rechear.
Os biscoitos sem recheio também se conservam bem até 7 dias em um pote fechado na geladeira.
Para servir no dia 22, você poderia fazer os biscoitos no fim de semana, guardar na geladeira e rechear no dia 21. Fazer hoje acho cedo demais, ou então congele.
Abraço

Bianca Huang disse...

Obrigada!!!!! Adorei!!!!!

Bianca Huang disse...

Vou fazer no final de semana!!!!! Obrigada pela atenção!!!!

Bianca Huang disse...

Consegui!!!! Deu certo!!!!

Renata Ogawa disse...

Oi Fernanda amo macaron, são uma delícia segui sua receita eles ficaram lindos, alguns assei demais e ficaram seco, mais todos ficaram estufadinhos com um colarinho inpecável, realmente bonitinhos, mais ocos na parte de cima e molhadinho na parte de baixo, o que fiz de errado?
Quero muito tentar de novo.

Fernanda disse...

Bianca,
Depois conte para a gente se os convidados gostaram dos macarons!

Renata,
Se eles ficaram meio ocos, o mais provavel é que tinha bolha de ar na massa. Quando estiver enchendo o saco de confeiteiro, esprema bem antes de fazer as bolinhas para tirar as bolhas. E depois que tiver feito as bolinhas, você pode também dar umas batidinhas com a forma sobre um pano de prato.
Tente de novo sim, não pode desistir!

Renata Ogawa disse...

Feeee...deu certo eu tinha provado assim que ficou pronto como novamente mais tarde ele estava maravilhoso, fiz um recheio de ganache de chocolate amargo e um pouco de chocolate ao leite ficou muito bom. :) OBRIGADA !!!

Antônia disse...

Oi Fernanda,
Fiz hoje a tarde, mas fiz com farinha de castanhas do Pará, eu mesmo moí elas...deu super certo de primeira, ficaram lindos, mas grudou um pouco no papel manteiga, pode ter sido pela gordura da castanha???
Posso pedir um post??? Mostra para a gente receitas de alguns recheios!!!

Beijos

Suzana Binha disse...

Parabéns!! Você passou tudo nos mínimos detalhes, show de bola, muito legal, vou tentar fazer mais tarde e mando notícias de como me saí.

Beijos, Suzana S. Alves

Luciana disse...

Tenho que apertar a parte de baixo para rechear...

InfinitooFotografia disse...

Que saudade!!! Ladurée :D Estive em Paris em Novembro do ano passado e fiquei viciada em tudo menos no trânsito :) gostei da receita :)

Livania disse...

Ai ai... Os meus ficaram lindos por fora!!! Bem lisinhos.
Mas ficaram achatados e cru por dentro. Mas nao vou desistir, vou seguir sua receita.

analu disse...

Fernanda... SOCORROOOO..

Eu fiz .. amei a receita mas lendo as dicas acho que misturei demais, pq não ficou com o colarzinhoooo, mas ficaram lindinhoss, vou tirar umas fotos p vc ver depois, vou tentar fazer novamente amanhã quero mto q dê certo. Bjos e mto obrigada pela receita e dicas

G.R. Roots disse...

Oi Fernanda!

Não sou lá muito fã de doces, mas há algum tempo fiquei curiosa com os macarons quando os vi em uma banquinha em um shopping aqui no Rio de Janeiro.
Eles eram tão lindinhos e coloridos que eu morri de vontade de experimentar. Então perguntei para uma amiga que ama doces como eram esses tais docinhos franceses. ela disse:
- Meh. Sem graça, parecem suspiros...

Eu desanimei de provar e o tempo passou.
No meu aniversário uma outra amiga muito fofa me presenteou com uma caixa de macarons sortidos da Boulangerie Guerin aqui de Copacabana.

Quando experimentei os macarons a primeira vez... Foi divino!!!
Ela escolheu os sabores: lavanda (o melhor macaron de todos!), pistache (delícia absoluta), maracujá (com sementes na massa e delicioso), morango e chocolate (o mais sem-graça).

No dia seguinte fui até a Boulangerie Guerin e comprei mais um monte de macarons (R$ 30 por 10 unidades). Nem preciso dizer que eles já desapareceram misteriosamente... Hehehehehe

Agora vim procurar a receita a título de curiosidade e só posso te dar os parabéns por conseguir assar esses docinhos, que são uma obra de arte e por publicar essa receita com tantos detalhes importantes - coisa q não vi em mais lugar nenhum!

Parabéns e muito obrigada!!

P.S.: Esse macaron caipira dever ser inacreditável!!

Anônimo disse...

Apesar de nunca fazer, tive a curiosidade de querer aprender e passei a comprar livro de receita e pegar receitas divulgada por algumas emissoras de tv/site, mas esta sua didática está excelente, tudinho mesmo foi detalhado, parabéns. Agora vou fazer essas delícias até virar uma expert. rsrsrs. Sou de Teresina-PI, que pena aqui ainda não tem uma loja especializada,mas terá uma entre várias a fazer em casa.
Fique com Deus.
Josélia Freitas

quesejadocecupcakes disse...

Muito obrigada pela receita! Parece ser bem difícil, mas vou tentar. Essa farinha de amêndoas nao pode ter nenhum carocinho né? Td bem fininho e peneirado? Bjs mil

Anônimo disse...

Oi gente!!

Passei aqui para falar que eu fiz os macarons e ficaram maravilhosos!! Já de cara,saíram perfeitos, e detalhe. fiz com farinha de castanha!! Ficaram melhores ainda!
bjus

carol

Jorge Ramiro disse...

Estes alfajores sao muito ricos. Eu quero fazer ums assim, mas eu não sou bom cozinheiro. No outro dia eu cozinhei uma sobremesa para meus gatos, com uma receita que encontrei em um site, mas eles não gostaram, eles preferem Whiskas.

Daniele Ito disse...

Oi Fernanda nao consegui um tapete igual ao seu. Encontrei um sem as marca de circulo. Silikomart entao so estou com um problema comprei a de 40 x 60 cm e nao achei um assadeira do mesmo tamanho. Estou pesquisando se eu posso cortar o tapete no meio. Mas quero ter certeza que o produto nao estrague na hora de ir no forno. Se puder me ajudar abraco Daniele

Lilia Frankenthal disse...

De repente, sem explicação, começaram a dar errado... murcham quando saem do forno e ficam com manchinhas mais escuras, "bronzeados"... tudo o que uso é igual, o forno, os ingredientes, etc... o que pode ser? Nunca reparei na marca do ovo que uso, e não sei se isso tem a ver... posso usar clara de ovo pasteurizada? Helpppppp !!! bjss Lilia

Lilia Frankenthal disse...

Em tempo, Fe, faço macarons há muito tempo, e vivo da venda deles... o que será que acontece? bjss

Cristiane disse...

Hoje minha filha me disse que seu sonho é comer macarons, e como eu acho muito caro 10 macarons por 35 reais, então vou tentar fazer e ver se da certo.

Anônimo disse...

hoje eu tentei e foi um fracasso, mais nao vou desistir essa foi so a primeira e eu sei q consigo, beijos

Fernanda disse...

Adorei!!!!! Obrigada pelos detalhes

Anônimo disse...

Pode colocar farinha de amendoim em vez dafarinha de amendoa??

Anônimo disse...

Oi Fernanda, vou tentar fazer essa semana, ja consegui os ingredientes..mass...comprei esses dias uns de uma menina que faz na minha cidade, diz ela q é a receita original q ela fez num curso na França, há..nao sei se é mesma q a tua, so q esses dela, eu deixei um dia na geladeira e no dia seguinte tava desmanchando e o recheio ficou saindo uma agua...horrivel..e pior foi carerrimo...q será q deu ?? da mesmo pra guardar na geladeira pelo menos uns 3 dias.. ? obrigada...Ana Paula - Blumenau /sc

Isaac Vieira Rozendo disse...

Nossa mais e tao dificil achar farinha de amendoas, tem alguma outra farinha que eu possa sibistituir?

Anônimo disse...

Oi Fernanda! Até agora, sua explicação, foi a melhor! Falou de detalhes que fazem a diferença na hora de executá-los. Com certeza, vou tentar fazer, até sair perfeito como os seus. A gente só alcança a perfeição errando bastante, vc deve ter passado por isto! Bjs

Andreia disse...

Fernanda,
minha massa ficou muito grossa e meus macarons cresceram muito e ficaram em diferentes formatos...rsrsrrsr

docinhobycelia disse...

Fernanda,

Adorei sua explicação de como fazer macarons. Sou confeiteira profissional e faço bolos e docinhos. Estarei fazendo um cursinho de macarons e bem casados, mas estou pesquisando antes. Parabéns, se todas as pessoas do mundo tivessem essa inspiração de passar seus conhecimentos adiante, ele seria mais bonito.
Obrigada.
Celia - DOCINHO BY CELIA

Patricia Gattone disse...

Fernanda, sou jornalista e gostaria de te entrevistar para uma matéria. Qual seu e-mail de contato, por favor?
Meu e-mail: patriciagattone1@gmail.com

beijos

Patricia Gattone disse...

Fernanda
Já te enviei o e-mail - obrigada. beijos

gilda sutil disse...

ola. obrigada pela receita, irei sim fazer, e acredito que conseguirei, bjs
add meu face gilda sutil
pagina curtir cook delicious

Anônimo disse...

Queria fazer para o niver do meu sobrinho mas com sinceridade achei complicadíssimo caro demais, a receita e realmente como disse a colega acima as possibilidades de da errados são muito grandes..... mas ótima receita morro de vontade de experimentar...

Marilia Strege disse...

Nossa adorei, já fazia um tempo que queria aprender a fazer os tais mascarrons, mas ainda não tinha tido coragem pq achava que as receitas que encontrava na internet eram muito fáceis, oq deixava dúvidas do resultado final, assim com todas essas dicas fica mais fácil de dar certo..... Abraços

Fabiana Zembrzuski disse...

Muito obrigada pela receita! eu fiz e bom, cada fornada saiu bem diferente, nao ficou perfeito, mas pra primeira vez ficou ótimo! Alguns meio que vazaram pro lado! mas gostei muito!

docinhobycelia disse...

Fernanda,

Olá.
Você poderia fazer o favor de me passar o nome da marca do suporte de sacos de confeitar (foto que você postou na receita de macarron). Achei bárbaro e como trabalho na confeitaria, gostaria de ter um equipamento igual e como tenho uma conhecida que está na Europa, vou pedir a ela para procurar. Meu e-mail é cel.vegas@gmail.com (docinho by Celia)Obrigadíssimo.

Eli Ben disse...

Fer fiz e fiquei decepcionada apesar de não terem perdido o volume eles ficaram como suspiros sem colarinho e sem brilho fiz a receita passo a passo como descrito não faço idéia onde errei?

Walderez disse...

Oi Fernada!!!
Obrigada por sua generosidade em nos brindar com seu
talento.
Tbm gostaria de saber a marca do suporte e do saco de confeitar.
Sucesso,
Mais ainda.
meu email:
walderezcarvalho@hotmail.com

Magalu disse...

E um chefe me falou que depende do forno. Afffffffff acho que ele não conhecia era a verdade ira técnica, vou tentar amo novidades.

Mari Souto disse...

Caramba! Eu tambem ja tentei por baixo umas dez vezes e ainda n consegui... eles ficam ótimo mas o colarzinho nao se forma de jeito nenhum!! Nenhuma das vezes q eu fiz eles conseguiram formar a casquinha enquanto descansam.. uma vez deixei eles descansando por duas horas e nada de endurecer por fora! Já tentei 924 receitas diferentes e nunca dá certo... O que será que estou fazendo de errado??

Anônimo disse...

Oi Fernanda através da sua receita estou fazendo meus primeiros macarons no momento eles estão no descanso depois que eu assa-los voltarei aqui pra comentar de novo se deu certo estou confiante espero que de tudo certo Abraços Vanessa.

Anônimo disse...

Oi Fernanda tirei eles do forno ficaram lindos bem formados casquinha durinha mas quando vou retirar do papel eles estão molenga por dentro gruda todo no papel e só sai s casca o que pode ter saído errado? Não vou desistir tentarei outra vez. Mas me da uma dica pra não acontece de novo será que é porque meu forno e eletrônico tem alguma coisa que atrapalhar deixar menos tempo ou mais tempo a temperatura tem que aer mais alto? Essas coisas você explicou tão direitinho não tinha como errar. Fiquei tristeas como disse vou tentar fazer outra vez mas me da uma dica Abraços Vanessa.

Magda disse...

Voce deveria ser professora. Explica muito bem. Muito obrigada pelas dicas. Merci!!!

Karla Kil disse...

Gente, achei o suporte igualzinho vendendo no ebay!
http://www.ebay.com/itm/Orka-Mastrad-PASTRY-BAG-SET-Reusable-14-Piece-set-for-Cakes-Cupcakes-Pastries-/370753050569?pt=Cake_Decorating_Supplies&hash=item56529a97c9
Beijos

Mara disse...

Oi,Fernanda
Já experimentei fazer e não deu certo.Vi agora sua receita e vou tentar uma última vez.Obrigada pelas dicas e ajuda.

marcos prisk disse...

marcos prisk!,,,parabéns muito bom...

Anônimo disse...

Fernanda...estou estudando sua receita, vou tentar fazer, não se pode msm usar corante liquído? Então vou comparar em pó. Pode-se usar doce de leite para rechear? Me da mas uma dicas...vou tentar.Bjs e obrigada.

Anônimo disse...

Fernanda, lá no início quando for bater as claras, eu bato junto com o açúcar pra dar ponto de neve???????????

Danilo Tavares disse...

Eu fiz e passei para o mundo.
http://fabcupcakes.blogspot.com.br/2013/10/macarons-no-fabricando.html

Anônimo disse...

Fernanda, meu forno só é a partir de 180°c :/ não tem menor.. como eu faço?

Anônimo disse...

Legal vc postar tudo passo a passo, vou me aventurar e tentar fazer...

Laurianne Aires disse...

Como diz socorro em francês?
Então, é isso aí: socorro!
Fiz 3 receitas, sendo que as duas últimas foi depois de "te conhecer".
Ficou uniforme, alguns com um biquinho como o seus deste poste mas não fez a sainha. Será que são meninos? Rsrsrsrs...
Gostaria tanto de acertar, gostaria de vender e ter uma renda.
Poderia te mandar as fotos do resultado?
Abraço, Laurianne

Anônimo disse...

Otima receita ! Adorei ! Mas uma dica.... a salmonela esta presente no intestino da galinha, portanto o risco da salmonela esta na quebra do ovo, quando a clara e a gema entra em contato com a parte externa da casca. Para evita-la lave e desinfete bem a casca do ovo antes de quebra-lo.

Dasde disse...

Fernanda!

Obrigada por esse presente!
Postei na página da DASDE ARTES
https://www.facebook.com/Dasde.Artes?ref=hl
Dando todos os seus méritos!
Abs
Désirée

Juliana Nogami disse...

Oi Fernanda, já estou na terceira tentativa, a primeira foi a que mais deu certo. Eu so nao entendo que estou na terceira tentativa e na mesma fornada, eu tenho macarons que ficam cheio de fissuras na casca e não forma colarinho e outra forma que fica com o colarinho e a casca lisa, o que pode ser que estou errando? Obrigada se puder me ajudar!

Chico disse...

Fernanda, faço muitas receitas, macarons nunca fiz... acho lindos ... e vou tentar seguir seu passo a passo. Me diga onde vc comprou o suporte para manga de confeitaria? e qual marca de corante em pó?
sobre o recheio de caipirinha, não usou creme de leite? apenas a mistura de cachaça, chocolate branco e raspas de limão? agradeço se puder responder.
Amanda

amanda_fantini@hotmail.com

Ariel disse...

oi Fernanda, sou Ariel, segui sua receita com tudo certinho e depois de umas 5 tentativas acertei a macaronnage, porém não achei os tapetinhos de silicone e optei pelo papel manteiga e, nas outras tentativas, ele grudava completamente e não saia de jeito nenhum! Dai me disseram para eu passar margarina no papel manteiga que ajudaria a sair. Fiz isso da última vez e comprei uma forma de silicone para muffins e enchi menos que a metade, os da forma de silicone estão perfeitos, mas o do papel manteiga não! Estão borbulhando e se espalhando. Queria saber se onde posso comprar o tapetinho aqui no brasil.

meu e-mail ariel.marcela@gmail.com

Anônimo disse...

Ai meu Deus ! Vou me casar em outubro numa cerimonia simples no meio da tarde e tenho procurado algumas coisas para fazer eu mesma e economizar um pouco. rsrs
Amo fazer doces e modéstia a parte, sou boa nisso (rs).
Vou treinar bastante até lá e se conseguir que fiquem perfeitos, será um dos doces servidos no meu casamento.
Amei o jeito como explicou a receita, assim não parece tão complicado.
Dando certo volto aqui para comentar.
Bjs

Vilna Caldas disse...

Boa tarde! Gostaria de saber a va\lidade dos macarons. Adorei a receita. Abraços.

Susana Veloso disse...

Olá :) Sou portuguesa e adorei ver o teu blog! Muito bonito, bem explicado, com paixão! Uma delícia :) Obrigada pela explicação tão detalhada dos macarons. Continua assim e muitas felicidades.
Também tenho um blog de culinária, mas há pouco tempo, vê aqui: http://paparocadeliciosa.blogspot.pt/
Beijinhos doces!

Raiane Alves disse...

Olá. Fiz a receita seguindo passo a passo, mas n deu certo. Os meus macaron não cresceram e racharam todos, além de ter ficado grudado no papel manteiga. Acredito que tenha sido o meu forno. Bom tentarei outras vezes já que estou viciada nessas delícias. Gostaria de saber se a massa do macaron serve para mais alguma receita. Pois como vi que a primeira fornada n deu certo, nem coloquei o resto no fogo, então sobrou massa, e não queria jogar fora, gostaria de reaproveitar. Aguardo a sua resposta. E parabéns pelo blog.

Arq. Fernanda Salvagni disse...

Amei a receita! Difícil mas vou tentar! Demoras quanto tempo pra fazer? =D Obrigada

Anônimo disse...

Oi Fernanda ! Parabésn pela bela forma de nos ensinar como fazer essa delícia de macarons. Conheci e apreciei em Canela - R.S
Vou conseguir chegar lá . Obrigada. Marlene

Anônimo disse...

kkkkkkkk os efeitos da larica

Anônimo disse...

Olá Fernanda.
Hoje tentei fazer o macaron mas não deu certo. Segui passo a passo mas até ir ao forno está conforme a receita.
Deu o tempo de 12m e não assou no tempo certo, e não ficou com o colarinho. Aí deixei mais um tempo no forno ficou um biscoito.
O que será que deu erra.
Fiquei com medo de mexer de mais, mas fiz o teste de pega um pouco na espátula e ir deslizando aos pouco aí não foi, mexi mas umas vezes e deu certo. Agora tmb não sei se mexi muito. Pq tmb não ficou mole.
Quero refazer mas não queria errar.
Por acaso você tem um vídeo. Tenho preocupação em relação as quantidade de mexida. Vc tem uma noção de quantas voltas?
Fico no aguardo de dicas.
Se tiver um vídeo pode me passar.
elaine_j_s@yahoo.com.br
Muito grata.

Anônimo disse...

Oi Fernanda, sei que esse post é antigo, mas poderia me indicar onde fez o curso em Paris? Sabe se ainda há algum curso rápido?

Se puder me mandar no email casacps@gmail.com , agradeço

Obrigada,
Vanessa

Carla disse...

Olá...
voce sabe quantos macarrons preciso para dar 1kg? mais ou menos...
quaer dizer quantas receitas dessa que vc me passou vou ter que fazer para dar 1kg.
desde ja agradeço a colaboração
carla

Anônimo disse...

Pode ser farinha de amendiom, de caju, etc

Anônimo disse...

Vi em uma receita que outro jeito bom de macaron é quando ficam ocos e com um tapete crocante em baixo.

Anônimo disse...

Pode usar farinha de amendoim, de castanha de caju, de nizes, de castanha-do-para, contando que seja desse tipo...

Anônimo disse...

Farinha de castanha de caju, de nozes, de amendoim, de castanha-do-pará, contando que seja desse tipo...

Rosa Silva disse...

Fernanda Adorei sua receita e suas dicas... adoro Macarrons
vou fazer ! Obrigada..

Graziella Lima disse...

Fer, me socorre. Já fiz duas vezes, mas não deu certo :( Eles não formam o colarinho e estouram ou ficam com fissuras. Comprei um termômetro culinário, vou testar com ele agora, pois estou achando que a temperatura do forno está mt alta. Será que é isso mesmo? Beijooo, seu post é 10!

Taciana Virginia disse...

MUITO BOA A RECEITA SHOW DE BOLA..
PARABÉNS PELA FORMA QUE A RECEITA FOI POSTA MUITO SIMPLES A INTERPRETAÇÃO...

ana clara disse...

olá Fernanda,
tudo bem?
Vi em algumas receitas que não é necessário pré aquecer forno à gás, mas na sua precisa. A questão é: eu só tenho forno elétrico, preciso pré aquecer por mais tempo que o comum? pq ele demora um pouco para aquecer.
PS: ótima explicação :)
Obrigada :)

Oi (44) 8404-2420 / TIM 9807 7878 disse...

Boa noite Fernanda... Tem como fazer a farinha de amêndoa triturando elas ou eu preciso comprar a farinha pronta para dar certo? Uma vez eu tentei fazer com amendoa triturada, mas era uma outra receita e nao deu certo!

Deise disse...

Oi Fernanda. Adorei o modo como vc deu a receita. Fácil interpretação, mas a receita em si é bem complicadinha. A mulher do meu primo faz, eles tem um Café/Gelateria em Santa Catarina e esses macarrons fazem mto sucesso por lá. Ultimamente tem saído várias matérias com ela (http://issuu.com/enfatizandonegocios/docs/revista_8___ed._junho_2014 na pág 7). Depois de saber como essas delícias são feitas, vou dar ainda mais valor aos macarrons da prima... rsrsr. Bjão

verahl disse...

Fernanda, minha tina Maria Clara possui um buffet em Mogi das Cruzes de alta confeitaria, chamado by Clara. Seus macarons são deliciosos. Eu comi também no Louvre na Maison du chocolat. Deliciosos. Agora, resolvi experimentar. Comprei os ingredientes, bati como você explicou, mas a massa espalhou-se e eles ficaram unidos (mais de 70%)... Insisti, coloquei no forno e eles racharam. Enfim....um desastre.... sei não se irei tentar novamente.... um fiasquè...rs ao invés de macarons, esborrachons...rs em todo caso, obrigada pela boa e explicativa aula. Vera

Anônimo disse...

Olá Fernanda, fui para Paris e me apaixonei pelos macarons, voltei para o Brasil e tentei fazer, e não deu certo... E quero tentar novamente, mas não sei o que faço de errado, eles não formam a casquinha no tempo de repouso, eles ficam grudando no dedo, o que fiz de errado ?

(Preciso da sua ajuda)

Ingrid

Anônimo disse...

Fernanda, boa tarde,
gosto de culinária e principalmente coisas complicadas para fazer, to quase doido (risos), não consigo fazer os macarons perfeito, acho que o erro é na macaronagem, e forno pode ser o normal de casa? o merengue é melhor o simples? (o que coloca o açucar depois de bater as claras), fiz dos três jeitos, o que ficou mais ou menos foi com o merengue simples, mais não vou desistir! parabéns vc é fantástica! um grande abraço de um fã!! Sandro

Anônimo disse...

Fernanda, boa tarde,
gosto de culinária e principalmente coisas complicadas para fazer, to quase doido (risos), não consigo fazer os macarons perfeito, acho que o erro é na macaronagem, e forno pode ser o normal de casa? o merengue é melhor o simples? (o que coloca o açucar depois de bater as claras), fiz dos três jeitos, o que ficou mais ou menos foi com o merengue simples, mais não vou desistir! parabéns vc é fantástica! um grande abraço de um fã!! Sandro

Anônimo disse...

Comi isso em Paris. Não gosto muito de doce, provei mais por que a fila pra comprar era muito grande e fiquei curioso. Foi o único doce que comi na vida que me fez fechar os olhos. E o melhor doce do mundo, na minha opinião, como disse, não sou apreciador..rsrs

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...