quarta-feira, 20 de outubro de 2010

Uma semana de greve

Hoje a greve completa uma semana e eu decidi que era hora de atualizar o contador. A média está ficando impressionante, praticamente uma greve/ dois dias por mês.

Mas vamos reconhecer que eu particularmente não estou sendo lá muito afetada. Meu trem das 7h56 está cancelado faz uma semana, ok, mas não é tão difícil assim pegar o que sai meia hora antes ou meia hora depois (um pouco mais cheios, é verdade). Metrô e ônibus estão funcionando quase normalmente, trens anulados são alguns, principalmente em direção ao sul da França (onde a adesão à greve está um pouco maior). Neste final de semana fomos a Bruxelas e não tivemos problema nenhum.

Na verdade a queda de braço está pior em relação aos combustíveis : os sindicatos bloqueiam as centrais de distribuição, aí a polícia vai e desbloqueia, aí eles bloqueiam outra, a polícia desbloqueia, o sindicato... bom, enfim, vocês entenderam. Desde segunda-feira não para de passar na televisão o tamanho das filas para abastecer. Tenho vários colegas que vêm de carro para o trabalho e que estão preocupados com o nível do tanque de gasolina/diesel. Um colega ficou uma hora e meia na fila ontem. Tem diretor de rede de supermercados anunciando que daqui a pouco não vai mais conseguir abastecer as gôndolas. Enfim, meio caótico. Os estudantes também decidiram botar lenha na fogueira, bloquear os colégios, fazer greve e manifestar.

Enquanto isso, Monsieur Sarkozy bate o pé e finge que nem é com ele. Até porque ele não tem muita escolha, convenhamos. Não vou julgar se a lei da reforma da previdência, razão de tudo isso, foi feita da melhor maneira possível, mas que algum tipo de reforma é necessário é indiscutível. A lei deve passar no Senado amanhã, e como as férias escolares da Toussaint (Todos os Santos) estão chegando, o povo deve se acalmar para poder encher os tanques e ir viajar tranquilo…

Tempo na França: 8,75 meses
Número de greves: 8
Dias de greve: 18

5 comentários:

Taciana disse...

Fér, comenta sobre bruxelas! Quero ver fotinhos!!!!

Bjs, saudades,

taci

Tati disse...

Quase um mês de greve... Jesuuuuuus...hahahahaha
Fér, saudade de vc...
A Gloss eu acho que sairá em dezembro, mas eu guardo para você se não der para a sua mãe te levar.
Beijos,
Tati

http://comoagarrarummarido.blogspot.com/

Ana Paula disse...

Mas qual é alternativa? Sem reforma da previdência não dá mesmo. O que os sindicatos dizem? E os estudantes?

Bjos!

Fernanda disse...

Então, Ânia, ai é que está o problema, ninguém ainda achou a "solução milagre".
Resumindo bastante as ideias da oposição, o que eles propoem como solução é: 1- aumentar a arrecadação, subindo a contribuição gradativamente, para os trabalhadores mas principalmente para as empresas
2- aumentar impostos dos "ricos" (empresas e pessoa fisica - seria principalmente ligado a operações de remuneração de capital, ações, stock options, etc.
3- diminuir a taxa de desemprego na França (mais gente trabalhando, mais gente contribuindo).

Na teoria é tudo lindo. Agora vai fazer isso funcionar!

Eu sinceramente já desisti, o negocio é providenciar uma previdência privada decente, se não vou ter que trabalhar até os 80 anos...

Conceição disse...

Diz para Monsieur Sarkozi perguntar para o amiguinho dele daqui como se faz para enrolar o povo e aprovar tudo que ele quiser e ninguém ficar sabendo antes, muito menos fazer greve porque de uns anos para cá não se tem mais greves aqui como antigamente certo? beijos

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...